1 comentário

As mentiras que as mulheres contam

Mesmo sendo extremamente emocionais e absurdamente focadas no sentimento, as mulheres são capazes de mentir e nutrir esta prática com afinco.

Dignas de um troféu pelos roteiros mais originais, astuciosamente, elas lançam exatamente as mentiras que eles precisam ouvir quase como uma espécie de mantra hinduísta. Quem não tiver teto de vidro que atire a primeira pedra, afinal em algum momento da vida é inevitável proferir uma mentirinha aqui, outra lá.

Se você acredita na sinceridade absoluta das mulheres, engana-se profundamente. Elas também são dotadas da capacidade de mentir e mentem tão bem a ponto de quase se convencerem da invenção que disseminam. Homens e mulheres exercem esta prática na mesma proporção e a diferença está no fato das donzelas lidarem melhor na elaboração de uma inverdade que transmita credibilidade ao ouvinte. Se por um lado eles mentem para elas, estas mentem para si mesmas.

Na tentativa de não magoar, os homens mentem por insegurança, sede de conquista, poder e força. Preferem se desculpar depois, a contar a verdade hoje. Já as mulheres enganam para sua própria proteção ou a de quem desejam proteger ou, até mesmo, por satisfação de desejos não realizados.

 

 Mentirinhas básicas:

“Amo-o como você é” – Na realidade quando a mulher diz ´eu o amo como você é´, deve se levar em consideração o tempo de união em que se encontra o casal. No início, ela está interessada na aparência, na segurança, no conforto e na virilidade de seu companheiro. Com o passar do tempo, estas qualidades passam a ter menos importância. 

“Jamais o trairei” – Não que trair seja algo muito fácil de se praticar, mas dizer “jamais” é algo improvável. A traição na maioria das vezes começa com uma mentira, ou a ocultação de uma verdade. Quando o telefone toca, e você não diz quem realmente ligou, isso é uma traição, pois se não há motivos para mentir porque não falar a verdade.

É inevitável o ciclo imposto pela mentira. Ela leva a traição e ambas caminham lado a lado de mãos dadas. A partir do instante que se falta com a verdade, certamente, acontece a prática da traição.

“Amo-o na riqueza e na pobreza” – Todos os casais mantêm sonhos e não só buscam a felicidade, como também lutam para percorrer o caminho até ela, porém as dificuldades financeiras tendem a causar frustrações e insegurança na realização. ´Amo-o na riqueza e na pobreza´ é um voto estabelecido que nem sempre é firmado com convicção. Por isso, uniões com bases fragilizadas estão fadadas ao fracasso.

“Hoje não, querido. Estou com dor de cabeça” – A razão para a rejeição pode estar atrelada ao cansaço, rotina, falta de higiene, egoísmo, traumas, infidelidade e falta de criatividade do parceiro. Por isso do mesmo jeito que os homens cobram tanto da mulher, que os “impressionem” cada vez mais, nós mulheres esperamos também empenho da parte masculina. Nos provoquem mais, nos conquistem todo dia, e isso será recíproco.

“Estou quase lá” – Sim nós mulheres fingimos orgasmo, assim como os homens em muitas situações brocham, nós brochamos também. Não que isso seja comparativo, mas em certas ocasiões é melhor fingir, do que deixar o nosso parceiro com “dor de cabeça”.

Mas na minha opinião, eu ainda acho legal conversar, expor o que está acontecendo, para quem sabechegar no ponto certo do “porque não estou me satisfazendo com meu parceiro”.

 

As mentiras infalíveis das mulheres


Quanto ao meio social:
– Adorei sua ex. Ela é tão simpática.
– O problema sou eu e não você.
– Não vejo problema em sair com seus amigos aos sábados.
– Minha sogra é o máximo.
– Tenho pretendentes que querem me namorar.

Quanto ao desempenho na cama:
– É o maior que eu já vi.
– De todos os meus namorados, você é o melhor.
– Eu só vou fazer, porque você está pedindo.
– Hoje não. Estou com dor de cabeça.
– Nunca pensei em outro homem que não fosse você. Você é único em minha vida.

Quanto ao orgasmo:
Gritos que deixariam as atrizes pornôs no chinelo, mas que assim como os delas não passam de fingimento.

Quanto a desproveniência de finanças adequadas:
– Eu não ligo de esperar ônibus assim toda arrumada, a essa hora da noite.
– Um saco de pipoca para os dois… que romântico.
– Tudo bem pagar o motel sozinha sempre.

Sem dúvida a mentira é o principal motivo de separações, quando um dos envolvidos mente, terá sempre que justificar a mentira com outra, se tornando escravo do ciclo vicioso, até perder o controle da situação. Faltar com a verdade em um relacionamento é extremamente destrutivo.

“Quando nos relacionamos quer sentimentalmente, comercialmente ou em qualquer área devemos ser claros, íntegros e sinceros”.

 

Anúncios

Um comentário em “As mentiras que as mulheres contam

  1. Oiiiiiiiii, adorei o post! kkkkkkk, realmente uma mentirinha aqui e outra alí são regra e não exceção! muuuito bom seu bloguito novo! assim que meu wordpress voltar a add blogs no meu blogroll eu te linko!
    ; )
    bjus

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: